Empreendimento

Idealiza Urbanismo segue execução de obras do Palácio das Águas

Etapa de reflorestamento e posteamento começarão a garantir o visual cênico a qualquer hora do dia

A Idealiza Urbanismo acredita que o desenvolvimento urbano foge de projetos padronizados e aposta em soluções sob medida através do urbanismo feito à mão, com empreendimentos únicos de uma vida moderna que enalteçam as características regionais e riquezas naturais dos lugares onde se instalam.

Os 150 hectares do terreno que compreende o Home Resort Palácio das Águas estão inseridos na Área de Preservação Permanente do Curiaú. Espaço que passou por um processo de licenciamento minucioso até a conclusão do Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e seu respectivo Relatório de Impacto Ambiental (RIMA), que possui uma avaliação ampla e completa dos impactos ambientais significativos, principalmente por causa da APA do Rio Curiaú.

Compromisso assumido e responsabilidade que a Idealiza abraçou com o Amapá. O processo durou seis anos e fez da urbanizadora a única empresa atuante no Amapá a concluir e obter a certificação ambiental.

Planejamento urbano em torno da natureza

A natureza é um dos pontos fortes do Palácio das Águas, que oferecerá integração direta com ambientes naturais, cheios de cor e sossego. Além de um igarapé, a arborização será presença marcante no empreendimento.Na etapa de reflorestamento, estão sendo plantadas 2.481 mudas de plantas nativas do Amapá.

“As espécies foram escolhidas levando em consideração o bioma local e a tipologia vegetal mais observada na área, para ter maior assertividade quanto ao sucesso do plantio (sobrevivência das mudas)”, afirmou o diretor da engenharia da Idealiza, Eduardo Antolini.

As 1.668 mudas na Área de Preservação Permanente garantirão uma floresta exuberante. O restante do verde estará distribuído dentro do Palácio das Águas nas áreas de convivência, praças, playground, posicionados para proporcionar o vento natural, sombra e também para manter a umidade e escoar a água da chuva.

A função paisagística está aliada ao remédio natural que a vegetação causa. “A presença das árvores contribui para a melhora do microclima e sensação térmica, reduzindo a temperatura e aumentando a umidade do ar, além da redução da poluição sonora e atmosférica”.

Assista ao vídeo e veja os detalhes da etapa de reflorestamento do Palácio das Águas:

Redes de distribuição para iluminação adequada

O Palácio das Águas cumpre com rigor técnico e planejamento o calendário das obras. No mês de maio, a evolução da obra teve sequência com o início de duas novas etapas de execução: o posteamento e a colocação da rede elétrica.

A iluminação dos 600 lotes mais as áreas comuns do entorno do empreendimento serão asseguradas através dos 210 postes e a colocação da rede elétrica. A rede elétrica foi minuciosamente pensada para proporcionar qualidade de iluminação e conforto visual em qualquer situação. Caminhadas, passeios e áreas de esporte e convívio à noite serão seguros e bem iluminados. 

O projeto das redes de distribuição é feito por cabos multicomplexados que diminuem a quantidade de fios e as possibilidades de ocorrência de defeitos provocados pela vegetação. Eles também garantem um visual mais limpo do céu e das áreas do complexo durante todo o dia.

A beleza cênica faz parte do urbanismo artesanal minuciosamente projetado e construído para possibilitar o máximo aproveitamento da luz natural e da paisagem. Um ambiente aconchegante, com um visual limpo que une natureza e sofisticação para chamar de lar.

Quer saber mais sobre como investir no inovador home resort que a Idealiza Urbanismo está construindo? Clique aqui e fale com os nossos especialistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *